Bem-vindo, CITRUS 7
TOTAL TRANSFERIDO BRL 1500,00 ECONOMIZADO BRL 44,00

Análise Econômica Semanal Meu Câmbio – 22/09/2021

22 de setembro , 2021 | em #MeuCâmbio |

Acompanhe semanalmente a evolução do preço do dólar, euro e saiba tudo que pode influenciar o preço das moedas. Tenha acesso a toda a informação relevante para realizar sua operação de câmbio.

Economia

Cenário interno

Boletim Focus para 2021:

  • IPCA: 8,35% (+)
  • PIB: 5,04% (=)
  • Câmbio: R$/US$ 5,20 (=)
  • Selic: 8,25% (+)
Boletim Focus - Previsão da cotação do dólar e dos principais indicadores de acordo com pesquisa do BCB de 17-09-2021 - Blog Meu Câmbio
Boletim do Banco Central do Brasil com a expectativa do dólar e dos principais indicadores econômicos.

A previsão do mercado financeiro para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), considerada a inflação oficial do país, subiu, novamente, de 8% para 8,35% neste ano. É a 24ª elevação consecutiva na projeção. A estimativa está no Boletim Focus de hoje (20), pesquisa divulgada semanalmente pelo Banco Central (BC), com a projeção para os principais indicadores econômicos.

Para 2022, a estimativa de inflação é de 4,10%. Para 2023 e 2024, as previsões são de 3,25% e 3%, respectivamente.
A previsão para 2021 está acima da meta de inflação que deve ser perseguida pelo BC. A meta, definida pelo Conselho Monetário Nacional, é de 3,75% para este ano, com intervalo de tolerância de 1,5 ponto percentual para cima ou para baixo. Ou seja, o limite inferior é de 2,25% e o superior de 5,25%.

Taxa de juros

Na ata da última reunião, em agosto, os membros do comitê já indicaram que deve haver nova elevação, de 1 ponto percentual. Essa também é a expectativa do mercado financeiro, de que a taxa suba para 6,25% ao ano no encontro do Copom desta semana.

Para o mercado financeiro, a expectativa é de que a Selic encerre 2021 em 8,25% ao ano. Na semana passada a projeção era 8%. Para o fim de 2022, a estimativa é de que a taxa básica suba para 8,50% ao ano. E para 2023 e 2024, a previsão é 6,75% e 6,50% ao ano, respectivamente.

PIB e câmbio

As instituições financeiras consultadas pelo BC mantiveram a projeção para o crescimento da economia brasileira este em 5,04%. Para 2022, a expectativa para Produto Interno Bruto (PIB) – a soma de todos os bens e serviços produzidos no país – é de crescimento de 1,63%. Em 2023 e 2024, o mercado financeiro projeta expansão do PIB em 2,30% e 2,50%, respectivamente.

A expectativa para a cotação do dólar também se manteve em R$ 5,20 para o final deste ano. Para o fim de 2022, a previsão é que a moeda americana fique em R$ 5,23.

Mercado Brasileiro

Nesta segunda-feira (20/09) o Ibovespa operou em queda livre já acumulando 2,07% de perdas da última sexta-feira. O mercado foi impactado negativamente pela elevação do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) anunciado pelo governo para poder financiar o aumento do benefício do Bolsa Família e pelos temores sobre a capacidade da incorporadora chinesa Evergrande de honrar sequer parte da dívida de US $305 bilhões que vence na quinta-feira.
O caso Evergrande impacta o crédito e o setor financeiro de toda a China. Como resultado, o mercado começou a buscar proteções como dólar e ouro, e diminuir as posições de maiores riscos como os investimentos nos países emergentes que seria o caso do Brasil.

Esta semana o mercado estará atento à reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) com decisões de juros na quarta-feira. A expectativa é que se eleve a Selic em mais um ponto percentual, levando a taxa a 6,25% ao ano.
Além disso, os fundos de hedge estão cada vez mais pessimistas em relação aos investimentos no país com a possível redução dos estímulos por parte do Fed (Banco central americano). Na quarta-feira (22/09), haverá reunião do Fed onde será decidido sobre a redução dos estímulos e as diretrizes da política monetária do país.

No mercado local, alguns pontos merecem destaques:

  • Nesta sexta-feira (17/09) o secretário especial do Tesouro e Orçamento, Bruno Funchal, anunciou que o programa Auxílio Brasil (substituto do Bolsa Família) pagará um valor médio de R$ 300 aos beneficiários. A fim de viabilizar a execução do programa, que não pode ser implantado no ano que vem devido a restrições eleitorais, o governo decidiu aumentar temporariamente a alíquota do imposto sobre operações financeiras (IOF) que incide sobre operações de crédito. Para as empresas, a alíquota aumentou de 1,50% ao ano para 2,04% e, para as pessoas físicas, de 3,0% para 4,08% ao ano. Futuramente, a ideia é que o financiamento do Auxílio Brasil seja a tributação sobre dividendos e fundos prevista na reforma do Imposto de Renda em tramitação no Congresso. (Info Money)
  • Eleições 2022: Mirando as eleições de governador de São Paulo, o ex-governador Geraldo Alckmin está com a saída anunciada do PSDB e deve se filiar ao PSD. Em pesquisa Datafolha, ele lidera as intenções de voto com 26%, seguido pelo ex-prefeito Fernando Haddad (PT), com 17%. (Info Money)
  • Os Brics fizeram um evento por videoconferência que não chegou a ser transmitido, na semana passada. O tema deste ano é Cooperação Intra-Brics para Continuidade, Consolidação e Consenso. A expectativa por parte dos governos é que o Banco de Desenvolvimento do Brics ajude na recuperação pós pandemia e para o desenvolvimento tecnológico dos países do bloco. Bolsonaro defendeu a modernização da OMC e das regras de subsídios em evento, principalmente após o impasse com o Canadá, que aos olhos do governo distorceram a concorrência do mercado de aviação comercial em razão dos recebimentos de subsídios.

LEIA TAMBÉM:

Tudo sobre a DUE – Documento único de exportação

Declaração de Capitais Brasileiros no Exterior 2021 – Quem deve declarar?

Censo de Capitais Estrangeiros no Brasil 2021 – Conheça as obrigações!

Cenário externo

Nesta segunda-feira (20/09), as bolsas asiáticas recuaram devido às dúvidas sobre a capacidade da incorporadora China Evergrande de honrar as suas dívidas. O mercado de Hong Kong recuou 3,3% que levou para uma mínima em quase um ano. 

O índice da MSCI (Índice da Morgan Stanley) de ações da Ásia-Pacífico fora do Japão chegou a cair 1,8%, para o nível mais baixo desde 24 de agosto, enquanto as ações na Austrália perderam 2%.

Com graves problemas de liquidez, a Evergrande começou a pagar aos investidores os seus produtos de gestão de patrimônio com bens de imóveis. As ações da companhia despencaram mais de 10% depois de chegarem a cair até 19%, para mínimas em 11 anos.

Nos Estados Unidos, os três principais índices (Dow Jones, Nasdaq e S&P) abriram a semana no vermelho, devido à maior aversão ao risco, com a crise da incorporadora chinesa. Além disso, os investidores estão atentos à reunião do Fed onde se espera que seja anunciado o começo da retirada gradual dos estímulos.

O Dow Jones arrancou a semana a ceder 1,39%, para 34.103,40 pontos; o índice tecnológico Nasdaq cai 1,56% para 14.809,60 pontos e o S&P 500 desvaloriza 1,21% para 4.379,40 pontos.

Na Europa, o mercado também fechou em começou a semana em baixa devido aos receios vindo da China e reunião do Fed no meio da semana. O Stoxx 600, o índice que agrupa as 600 maiores cotadas da Europa, desvalorizou 1,61% para 454,39 pontos, o maior deslize desde o mês de julho.

Porém o menor apetite a risco por parte dos investidores, aliviou os juros no continente. Com o aumento da procura por ativos mais seguros, os juros da dívida de diversos países europeus recuaram. Em Portugal, os juros da dívida portuguesa a 10 anos seguem a recuar 1 ponto base para 0,247%, beneficiado também pelo aumento da confiança da Moody’s (agência de rating). Entre as commodities, o minério de ferro caiu mais de 8% e acumula uma baixa de 55% em apenas dois meses. Essa queda é resultado da política chinesa de diminuir a produção de aço no país, visando metas ambientais, e com a desaceleração do setor de construção. Já o petróleo segue em baixa devido à crescente aversão a risco por parte dos investidores que vêm procurando o dólar como forma de proteção, principalmente após o caso Evergrande.

No mercado internacional, outros pontos que merecem destaques:

  • Caso Evergrande: O mercado virá todas as suas atenções ao iminente default (não honrar suas obrigações) da segunda maior incorporadora da China, isso porque se tem um receio de um efeito contágio. A incorporadora atingiu essa situação devido às novas regulamentações implementadas pelo governo chinês em seu mercado imobiliário a fim de evitar bolhas futuras, reduzir o excesso de alavancagem das construtoras e normalizar o preço das casas no país (hoje o mais caro do mundo quando controlado pela renda). Além da correção do risco de crédito por parte do governo que quer que os preços dos bonds sinalize os riscos de cada empresa (moral hazard), e não operem com spreads apertados devido a percepção de terem garantia implícita do governo. O governo deve intervir, porém não salvará a Evergrande e seus acionistas. Primeiro, pela questão do moral hazard. Segundo, porque a China está em sua cruzada regulatória em vários setores, que precisam ser implementados este ano.
  • O Japão vem sofrendo com uma quinta onda da doença e prorroga emergência em Tóquio e em outras áreas. O número de casos graves não diminuiu o suficiente na região e as restrições duraram até 30 de setembro. As restrições de emergência japonesas se concentram em pedir aos restaurantes que fecham cedo e evitem servir álcool. Os moradores estão sendo incentivados a trabalharem em casa tanto quanto possível e a não viajarem. (Agência Brasil)
  • A Coreia do Norte informou nesta segunda (13/09) que testou com sucesso um novo tipo de míssil de cruzeiro de longo alcance, o que gerou preocupação principalmente do governo japonês e americano. O país está sob sanções internacionais devido a seus programas de armas nucleares e mísseis balísticos, no qual o regime alega ser necessário para se defender de uma possível invasão americana. Segundo analistas, o míssil representa um avanço na tecnologia armamentista norte coreana e representa uma ameaça considerável. As conversações entre EUA e Coreia do Norte estão paradas desde a fracassada cúpula de Hanói entre o líder norte-coreano, Kim Jong-Un, e o então presidente americano, Donald Trump. (DW)
  • Em relatório divulgado a clientes nesta quinta-feira (08/09), o Instituto de Finanças Internacionais (IIF) estima que ativos financeiros de mercados emergentes atraíram cerca de US $4,2 bilhões em agosto de 2021. Majoritariamente suportada pela China, os mercados emergentes se beneficiaram com a expectativa não confirmada e dados fracos de empregos dos EUA que devem levar a um possível tapering – como é chamado o processo de retirada gradual dos estímulos monetários – pelo Federal Reserve (Fed). Por outro lado, houve o acúmulo de pressões inflacionárias que tiveram que subir as taxas de juros para amortecer o impacto a longo prazo. Mesmo que os dados sejam positivos, existe desconfiança sobre a capacidade dos países emergentes se recuperarem economicamente no cenário pós-pandêmico. O FMI divulgou que a perda econômica do Brics (bloco econômico de países emergentes) excluindo a China chegou a ser maior do que a dos países industrializados. Isso ocorre devido a dependência de setores afetados pela pandemia como turismo e indústria e a incapacidade de endividamento para dar incentivos para a recuperação econômica. (DW e Estadão)

Dólar e aversão ao risco

(índice de volatilidade dos preços das opções do S&P 500)

O VIX trabalhou nessa semana na média de 19,30 contra 18,45 da semana anterior.

VIX Index - Indice VIX de volatilidade - medida de aversão a risco - Meu Câmbio - 21-09-2021
Gráfico do Índice de volatilidade do S&P 500 (VIX).

Perspectivas

A previsão do dólar para 2021

As expectativas dos 105 economistas consultados pelo Banco Central são:

  • Valor mínimo esperado: R$ 5,00 (+0,01)
  • Valor médio esperado: R$ 5,23 (+0,01)
  • Valor máximo esperado: R$ 5,40 (-0,10)
Expectativa do IPCA para 2021, 2022 e 2023 segundo relatório focus do BCB em 17-09-2021
Expectativa do IPCA para 2021, 2022 e 2023 segundo Boletim Focus BCB.

Previsão para PIB

As expectativas dos 82 economistas consultados pelo Banco Central são:

Expectativa do PIB para 2021, 2022 e 2023 segundo relatório focus do BCB em 17-09-2021
Expectativa do PIB para 2021, 2022 e 2023 segundo Boletim Focus BCB.

Previsão para IPCA

As expectativas dos 133 economistas consultados pelo Banco Central com atualizações nos últimos 5 dias são:

Expectativa de cotação do dólar para 2021 segundo relatório focus do BCB em 17-09-2021
Expectativa do dólar comercial para 2021 para Set-21, Out-21 e Nov-21 segundo Boletim Focus BCB.

Saiba tudo sobre o câmbio de importação?

MERCADO HOJE

Dólar americano:

No fechamento de 21/09, o dólar comercial operava em alta de 0,84% cotado a 5,2863.

Dólar / Real
PeríodoVariaçãoTaxa
21/set/21-0,84%5,2863
Uma semana0,55%5,2573
No mês2,21%5,1719
No ano1,88%5,1887
12 meses1,05%5,2314

Euro hoje:

No fechamento de 21/09, o euro operava em alta de 0,83%, cotado a R$ 6,1990.

Euro / Real
PeríodoVariaçãoTaxa
21/set/21-0,83%6,1990
Uma semana-0,11%6,2060
No mês1,52%6,1060
No ano-2,79%6,3770
12 meses0,00%6,1990

Utilize gratuitamente nossa plataforma para controle dos contratos de câmbio de importação, exportação ou financeiros. Clique aqui e confira!

Agenda da Semana

DataHorárioMoedaEventoPrevisão AtualÚltima Previsão
WedSep 22 11:30amUSDCrude Oil Inventories -6.4M
 3:00pmUSDFOMC Economic Projections  
  USDFOMC Statement  
  USDFederal Funds Rate<0.25%<0.25%
 3:30pmUSDFOMC Press Conference  
ThuSep 234:15amEURFrench Flash Manufacturing PMI57.157.5
  EURFrench Flash Services PMI56.156.3
 4:30amEURGerman Flash Manufacturing PMI61.362.6
  EURGerman Flash Services PMI60.360.8
 5:00amEURFlash Manufacturing PMI60.461.4
  EURFlash Services PMI58.459.0
 5:30amGBPFlash Manufacturing PMI59.060.3
  GBPFlash Services PMI55.055.0
 8:00amGBPAsset Purchase Facility875B875B
  GBPMPC Asset Purchase Facility Votes0-1-80-1-7
  GBPMonetary Policy Summary  
  GBPMPC Official Bank Rate Votes0-0-90-0-8
  GBPOfficial Bank Rate0.10%0.10%
 9:30amUSDUnemployment Claims317K332K
 10:45amUSDFlash Manufacturing PMI61.161.1
  USDFlash Services PMI55.155.1
FriSep 245:00amEURGerman ifo Business Climate99.099.4
 11:00amUSDFed Chair Powell Speaks  
SatSep 258:00amUSDFOMC Member Williams Speaks  

RELACIONADOS


#CaféComCâmbio – 06/07/22

As principais notícias que afetam o dólar comercial nesta quarta-feira 06/07/2022 MERCADO AGORA (10h34) Dólar comercial: R$ 5,4071 +0,36% Euro comercial: R$ 5,5170 -0,25% Lib […] LEIA MAIS


#CaféComCâmbio – 05/07/22

As principais notícias que afetam o dólar comercial nesta terça-feira 05/07/2022 MERCADO AGORA (10h11) Dólar comercial: R$ 5,3820 +1,08% Euro comercial: R$ 5,5370 -0,25% Lib […] LEIA MAIS

Recentes


#CaféComCâmbio – 06/07/22

As principais notícias que afetam o dólar comercial nesta quarta-feira 06/07/2022 MERCADO AGORA (10h34) Dólar comercial: R$ 5,4071 +0,36% Euro comercial: R$ 5,5170 -0,25% Lib […] LEIA MAIS


#CaféComCâmbio – 05/07/22

As principais notícias que afetam o dólar comercial nesta terça-feira 05/07/2022 MERCADO AGORA (10h11) Dólar comercial: R$ 5,3820 +1,08% Euro comercial: R$ 5,5370 -0,25% Lib […] LEIA MAIS