Bem-vindo, CITRUS 7
TOTAL TRANSFERIDO BRL 1500,00 ECONOMIZADO BRL 44,00

Análise Econômica Semanal Meu Câmbio – 02/02/2021

02 de fevereiro , 2021 | em #MeuCâmbio |

Acompanhe semanalmente a evolução do preço do dólar, euro e saiba tudo que pode influenciar o preço das moedas. Tenha acesso a toda a informação relevante para realizar sua operação de câmbio.

Cenário interno

Economia

Boletim Focus para 2021

PIB: 3,50%

IPCA: 3,53%

Câmbio: R$/US$ 5,01

Selic: 3,50%

  • A pandemia levou as contas públicas brasileiras a registrar, em 2020, o maior rombo de sua história. O déficit foi de R$ 743,1 bilhões, o equivalente a 10% do Produto Interno Bruto (PIB). A dívida deu um salto e chegou a 90% do PIB. Com as finanças no vermelho desde 2014, a previsão é de que o País volte a registrar receitas maiores que despesas somente em 2027. A pandemia levou o Brasil a ter em 2020 o maior rombo de sua história e ainda deixou uma cicatriz nas contas públicas que só deve ser sanada em 2027, quando há a previsão de que o País volte finalmente a registrar receitas maiores que despesas. O déficit foi de R$ 743,1 bilhões, o equivalente a 10% de toda a renda gerada pela economia brasileira em um ano e medida no Produto Interno Bruto (PIB). (Fonte: Estadão)
  • O Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) desacelerou pela sexta semana consecutiva, para 0,27%, no encerramento de janeiro, vindo de 0,42% na medição imediatamente anterior, a terceira do mês, e de um pico recente de 1,41% na primeira quinzena de dezembro, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV) em relatório. (Fonte: Valor Investe)
  • O estoque total de operações de crédito do sistema financeiro subiu 15,5% no ano passado e superou a marca de R$ 4,018 trilhões, segundo dados divulgados pelo Banco Central. Foi a maior variação anual desde 2012, quando o avanço foi de 16,44%. No fim de 2019, o estoque do crédito em mercado era de R$ 3,478 trilhões. O crescimento de R$ 539,369 bilhões em 2020 representou o maior aumento nominal desde o início da série histórica do BC, em 1991. (Fonte: Estadão)
  • Os financiamentos para a compra e a construção de imóveis em 2020 somaram R$ 123,97 bilhões em 2020, crescimento de 57,5% na comparação com 2019. O resultado foi o maior da história, superando o montante de R$ 112,9 bilhões visto em 2014, último ano do ciclo de “boom” imobiliário. (Fonte: Estadão)
  • A lentidão e a desorganização no programa nacional de vacinação contra a covid-19 vão retirar pelo menos dois pontos porcentuais do Produto Interno Bruto (PIB) do País em 2021. Segundo cálculos do economista Bráulio Borges, da consultoria LCA, caso 70% dos brasileiros fossem vacinados até agosto, a economia cresceria 5,5% neste ano. Se a vacinação atingir esse patamar apenas em dezembro – hipótese que hoje já é considerada otimista -, o crescimento do PIB deve ficar entre 3% e 3,5%. Nesse cenário, o País deixará de movimentar R$ 150 bilhões. (Fonte: InfoMoney)
  • A dívida do setor público brasileiro subiu 15 pontos em 2020 e atingiu 89,3% do PIB do País, totalizando R$ 6,615 trilhões no ano. Segundo o Banco Central, no fim de 2019 o montante era equivalente a 74,3% do Produto Interno Bruto. A marca, que engloba as dívidas de governo federal, Estados, municípios e estatais, é um novo recorde (negativo) na história brasileira. Fernando Rocha, chefe do Departamento de Estatísticas do BC, pontuou que jamais o índice havia sido tão alto desde o começo da série histórica, em 2006. A culpa do salto, segundo o Tesouro Nacional, foi dos gastos extraordinários visando ao combate da pandemia da Covid-19. Apenas essas medidas somaram R$ 524 bilhões no ano passado. (Fonte: Eu Quero Investir)
  • Sem o mecanismo para o Poder Executivo compensar os gastos de outros poderes, o teto federal de gastos encerrou 2020 com folga de R$ 52,1 bilhões, informou hoje (28) a Secretaria do Tesouro Nacional. Do limite de R$ 1,455 trilhão, foram executados R$ 1,403 trilhão, o equivalente a 96,4% do total. Na divisão por Poderes, o Executivo gastou 96,4% do limite; o Legislativo, 92,4%; o Judiciário, 98,3%; e a Defensoria Pública da União, 90,2%. Apenas o Ministério Público da União gastou mais que o limite: 102,2%. O órgão, no entanto, informou que teve autorização do Tribunal de Contas da União (TCU) para gastar além do teto e alega que legalmente não descumpriu o limite. (Fonte: Agência Brasil – EBC)
  • O começo de 2021 para os mercados financeiros no Brasil não foi muito diferente do que foi visto em 2020, especialmente no primeiro trimestre. Investidores preocupados com o impacto econômico do novo coronavírus procuraram ativos considerados mais seguros, como dólar e ouro. Já o Ibovespa teve um mês de bastante oscilação, para encerrar o período com variação negativa, assim como já tinha acontecido há um ano.
  • O Brasil fechou o ano de 2020 com a geração de 142.690 postos de trabalho. “A grande notícia para nós é que, em um ano terrível em que o PIB [Produto Interno Bruno – soma de todos os bens e serviços] caiu 4,5%, nós criamos 142 mil novos empregos”, disse o ministro da Economia, Paulo Guedes, durante coletiva virtual de divulgação do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). (Fonte: Agência Brasil – EBC)
  • O resultado mais recente, divulgado mais cedo, é o pior desde a Segunda Guerra (1939-1945), lembra a imprensa norte-americana, diante dos estragos causados pela pandemia da covid-19 à atividade no país e no mundo, com grandes perdas no mercado de trabalho e aumento na desigualdade. (Fonte: Agência Brasil – EBC)
  • Os integrantes do Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central avaliaram que diversas medidas de inflação subjacente estão em níveis acima do intervalo compatível com o cumprimento da meta, mostrou ata da reunião de semana passada do colegiado, divulgada há pouco. O documento voltou a informar as projeções de inflação do Copom, que já haviam sido divulgadas no comunicado da decisão que manteve a Selic inalterada em 2% e retirou da comunicação o “forward guidance”. De acordo com o comitê, o aumento recente no preço de commodities internacionais e seus reflexos nos preços de alimentos e combustíveis “implicam elevação das projeções de inflação para os próximos meses”. (Fonte: Valor Investe)
  • A lentidão na vacinação contra a covid-19 deverá custar ao PIB brasileiro pelo menos dois pontos porcentuais – ou cerca de R$ 150 bilhões – em 2021, segundo cálculos do economista Bráulio Borges, da LCA. Caso a vacinação atinja 70% da população em dezembro, o PIB cresceria cerca de 3,5%. Se esse nível for alcançado em agosto, a alta seria de 5,5%. (Fonte: Estadão)

Cenário externo

  • O ministro da Economia da Argentina, Martin Guzmán, está pressionando por um acordo até maio com o Fundo Monetário Internacional para pagar 44 bilhões de dólares em dívidas, informou o “Wall Street Journal” nesse sábado (30), citando entrevista com o ministro. Para o acordo, Guzmán planeja reduzir o déficit orçamentário do país latino-americano neste ano para cerca de 6% do Produto Interno Bruto, de 8,5% em 2020, acrescentou o jornal. A Argentina e o FMI estão atualmente em conversações para renegociar um programa fracassado de 57 bilhões de dólares de 2018 que foi o maior da história do fundo. (Fonte: Jornal do Brasil)
  • Os gastos dos consumidores norte-americanos caíram pelo segundo mês consecutivo em dezembro, em meio a novas restrições empresariais para desacelerar a disseminação da Covid-19 e ao vencimento temporário de benefícios financiados pelo governo para milhões de desempregados. O relatório do Departamento de Comércio divulgado dia 29/01 também mostrou que a inflação subiu de forma gradual no mês passado. A pressão nos preços foi corroborada por outros dados mostrando ganho sólido nos custos de mão de obra no quarto trimestre. (Fonte: Forbes)
  • A Espanha e a França divulgaram nesta sexta-feira (29/01) o desempenho de suas economias no ano passado, marcado pelo impacto da pandemia da covid-19 e a adoção de restrições à circulação de pessoas que afetaram de forma aguda o comércio, os serviços e a indústria. Na Espanha, o Produto Interno Bruto (PIB) caiu 11% em relação ao ano anterior, o pior desempenho já registrado pelo país, segundo o Instituto Nacional de Estatística. Durante a crise financeira global, há uma década, a economia do país havia se contraído cerca de 9%. Já a economia francesa registrou queda de 8,3% de seu PIB em 2020, a maior recessão do país desde a Segunda Guerra Mundial. A queda foi menor do que os 9% que haviam sido estimados pelo Instituto Nacional de Estatística do país e pelo Banco da França, e ficou muito abaixo da previsão do próprio governo, que esperava uma contração de 11%. (Fonte: Deutsche Welle)
  • O Produto Interno Bruto (PIB) dos Estados Unidos teve um crescimento de 4% no quarto trimestre de 2020 na comparação com o terceiro trimestre em termos anualizados, mostrou a primeira estimativa do Departamento de Comércio do país nesta quinta-feira (28). (Fonte: InfoMoney)
  • O Departamento do Comércio dos Estados Unidos informou que o Produto Interno Bruto (PIB) registrou queda de 3,5% em todo o ano de 2020, após um crescimento de 2,2% em 2019 e um avanço de 3,0% em 2018. O resultado mais recente, divulgado mais cedo, é o pior desde a Segunda Guerra (1939-1945), lembra a imprensa norte-americana, diante dos estragos causados pela pandemia da covid-19 à atividade no país e no mundo, com grandes perdas no mercado de trabalho e aumento na desigualdade. (Fonte: Istoé Dinheiro)
  • Dez senadores republicanos moderados propuseram ontem ao presidente democrata Joe Biden um projeto de lei alternativo a seu gigantesco plano de resgate econômico, argumentando que a proposta poderia obter um consenso entre os dois partidos. Em uma carta, eles pediram a Biden que reduza significativamente seu pacote de alívio de US$ 1,9 trilhão (R$ 10,3 trilhões) contra os efeitos da pandemia de covid-19 para receber apoio bipartidário, no momento em que democratas do Congresso se preparam para fazer avançar seu plano a partir de hoje. (Fonte: Estadão)

Dólar e aversão ao risco

(índice de volatilidade dos preços das opções do S&P 500)

O VIX trabalhou nessa semana na média de 30,88 contra 22,25 da semana anterior.

Perspectivas

Previsão do dólar para 2021

As expectativas dos 104 economistas consultados pelo Banco Central são:

  • Valor mínimo esperado: R$ 4,75
  • Valor médio esperado: R$ 5,28
  • Valor máximo esperado: R$ 5,60

Previsão para PIB

As expectativas dos 73 economistas consultados pelo Banco Central são:

Previsão para IPCA

As expectativas dos 121 economistas consultados pelo Banco Central são:

LEIA TAMBÉM:

Tudo sobre a DUE – Documento único de exportação

Como funciona o câmbio de importação?

Dólar americano:

No fechamento de 01/02, o dólar comercial operava em queda de 0,45% cotado a 5,4498

O Dólar Turismo neste mesmo horário era oferecido pela Meu Câmbio a R$ 5,653 + IOF.

Dólar / Real
PeríodoVariaçãoTaxa
01/fev/21-0,45%5,4498
Na semana-1,07%5,5089
No mês5,03%5,1887
No ano5,03%5,1887
Tabela de variação do USDBRL

Euro:

No fechamento de 01/02, o euro operava estável, cotado a R$ 6,575.

O Euro Turismo neste mesmo horário era oferecido pela Meu Câmbio a R$ 6,83 + IOF.

Euro / Real
PeríodoVariaçãoTaxa
01/fev/21-0,96%6,5750
Na semana-1,37%6,6660
No mês3,10%6,3770
No ano3,10%6,3770
Tabela de variação do EURBRL

Agenda da Semana

DataHorárioMoedaEventoPrevisão AtualÚltima Previsão
TueFeb 2 2:45amEURFrench Prelim CPI m/m0.0%0.2%
 3:00amEURSpanish Unemployment Change35.3K36.8K
 4:00amEURItalian Prelim GDP q/q-2.0%15.9%
 5:00amEURPrelim Flash GDP q/q-0.9%12.5%
 TentativeUSDIBD/TIPP Economic Optimism51.050.1
 All DayUSDWards Total Vehicle Sales16.1M16.3M
 8:45pmCNYCaixin Services PMI55.556.3
WedFeb 32:45amEURFrench Gov Budget Balance -176.8B
 3:15amEURSpanish Services PMI45.148.0
 3:45amEURItalian Services PMI39.539.7
 3:50amEURFrench Final Services PMI46.546.5
 3:55amEURGerman Final Services PMI46.846.8
 4:00amEURFinal Services PMI45.045.0
 5:00amEURCPI Flash Estimate y/y0.6%-0.3%
  EURCore CPI Flash Estimate y/y0.9%0.2%
  EURPPI m/m0.7%0.4%
  EURItalian Prelim CPI m/m0.2%0.2%
 8:15amUSDADP Non-Farm Employment Change62K-123K
 9:45amUSDFinal Services PMI57.557.5
 10:00amUSDISM Services PMI56.757.2
 10:30amUSDCrude Oil Inventories -9.9M
 5:00pmUSDFOMC Member Evans Speaks  
ThuFeb 44:00amEURECB Economic Bulletin  
 5:00amEURRetail Sales m/m2.4%-6.1%

Utilize gratuitamente nossa plataforma para controle dos contratos de câmbio de importação, exportação ou financeiros. Clique aqui e confira!


RELACIONADOS


Comece seu dia bem informado com nosso Café Com Câmbio de hoje 05/03

As principais notícias que afetam o dólar comercia […] LEIA MAIS


Comece seu dia bem informado com nosso Café Com Câmbio de hoje 04/03

As principais notícias que afetam o dólar comercia […] LEIA MAIS

Recentes


Comece seu dia bem informado com nosso Café Com Câmbio de hoje 05/03

As principais notícias que afetam o dólar comercia […] LEIA MAIS


Comece seu dia bem informado com nosso Café Com Câmbio de hoje 04/03

As principais notícias que afetam o dólar comercia […] LEIA MAIS