Bem-vindo, CITRUS 7
TOTAL TRANSFERIDO BRL 1500,00 ECONOMIZADO BRL 44,00

Comece seu dia bem informado com nosso Café Com Câmbio de hoje 23/02

23 de fevereiro , 2021 | em #MeuCâmbio |

Saiba como caminhar pelas turbulências do mercado financeiro com a ajuda da Meu Câmbio
As principais notícias que afetam o dólar comercial nesta terça-feira 23/02/2021

MERCADO AGORA (09h58)

  • Dólar comercial: R$ 5,4470 -0,11%
  • Euro comercial: R$ 6,6081 -0,57%

AGENDA DO DIA

Feriado mantém mercados fechados no Japão

Zona do euro: CPI de janeiro (7h)

FGV: IPC-S da 3ª quadrissemana (8h)

EUA: confiança do consumidor (12h)

EUA: estoques de petróleo e derivados (18h30)

Principais notícias que podem influenciar o dólar no dia de hoje 23/02/2021:

Ingerência do Planalto na Petrobras faz valor de estatais cair R$ 113 bi – O risco de um intervencionismo maior e adoção de medidas populistas fizeram as ações das três principais estatais do – Petrobras, Banco do Brasil e Eletrobras -perderem R$ 113,2 bilhões em dois dias. (Fonte: Estadão)

O relatório da PEC que prorroga o auxílio emergencial em 2021 também acaba com a exigência de gastos mínimos para saúde e educação em União, estados e municípios. (Fonte: O Globo)

Faça seus pagamentos internacionais com o leilão da Meu Câmbio.

Anvisa concede registro definitivo à vacina da Pfizer contra o coronavírus.

O estado de São Paulo registrou nesta segunda-feira (22) o maior número de pacientes com Covid-19 internados em UT desde o início da pandemia. Segundo dados da Secretaria da Saúde, são 6.410 pacientes em Unidades de Terapia Intensiva (UTI). Por conta disso, o comitê de saúde apresentou ao governo estadual novas restrições para reduzir a movimentação de pessoas, que devem ser anunciadas na quarta-feira (24) e começar a valer a partir desta sexta (26). As restrições novas iriam além do que prevê o Plano São Paulo, que divide o estado em sub-regiões e determina restrições diferentes de acordo com a fase da quarentena em que se encontra cada área. (Fonte: G1)

O anúncio da troca do presidente da Petrobras, códigos PETR3 e PETR4, pelo presidente Jair Bolsonaro em resposta aos recentes reajustes dos combustíveis terá impacto negativo na avaliação de crédito da companhia, pois evidencia a continuidade da interferência política nas decisões de negócio da empresa como ocorre há anos, disse a Moody’s Investors Service.

Utilize gratuitamente nossa plataforma para controle dos contratos de câmbio de importação, exportação ou financeiros. Clique aqui e confira!


RELACIONADOS


Comece seu dia bem informado com nosso Café Com Câmbio de hoje 01/03

As principais notícias que afetam o dólar comercia […] LEIA MAIS


Fique bem informado com nosso boletim de mercado de hoje 26/02

As principais notícias que afetam o dólar comercia […] LEIA MAIS

Recentes


Comece seu dia bem informado com nosso Café Com Câmbio de hoje 01/03

As principais notícias que afetam o dólar comercia […] LEIA MAIS


Fique bem informado com nosso boletim de mercado de hoje 26/02

As principais notícias que afetam o dólar comercia […] LEIA MAIS