Bem-vindo, CITRUS 7
TOTAL TRANSFERIDO BRL 1500,00 ECONOMIZADO BRL 44,00

Regras de gorjetas em cada país

10 de janeiro , 2019 | em #MeuCâmbio, Câmbio Turismo, Cotação, Dicas de viagem, Moedas, Turismo |

Apesar de não fazer parte do costume no Brasil, as gorjetas são culturais em diversos países. Dependendo do destino, dar uma gorjeta em um restaurante ou hotel pode ser ofensivo. Em outros locais, pode ser obrigatória ou opcional.

Ao chegar em um hotel e o carregador de malas entregar os seus pertences, você sabe quanto dar de gorjeta a ele? E após almoçar em um restaurante? Além de ter pagado a conta da corrida do táxi, realmente é necessário dar uma moedinha a mais?

 

A maior parte das pessoas não sabe quanto deve dar de gorjeta em cada país e nem nos momentos em que se deve contribuir. Um dos erros mais comuns é não levar dinheiro trocado nos passeios, dando notas altas sem querer. De moeda em moeda, se bobear, a conta das gorjetas pode acabar em 200 reais convertidos.

Para os brasileiros, ela pode parecer desnecessária em algumas ocasiões, mas em muitos países a gorjeta é uma atitude de educação e etiqueta. Por isso, separamos algumas dicas e regras de gorjeta para cada país, confira!

Estados Unidos

Famosos pelas gorjetas, em restaurantes elas giram em torno de 15% e 20% do valor gasto. Se todo o atendimento foi acima da média, o valor muda para 25%. Caso não receba nenhuma nota, os funcionários do estabelecimento vão querer saber o que fizeram de errado. Já nos bares, cada drinque ganha um dólar de gorjeta, assim como para as corridas de táxi e funcionários do hotel.

Índia

Faz parte da cultura do país, devido aos mais ricos serem generosos com as famílias mais humildes. O dinheiro extra geralmente é dado para porteiros, funcionários do hotel e taxistas.

França e Alemanha

Mesmo que, pela lei francesa, os restaurantes adicionem 15% do valor consumido na conta, as gorjetas são bem-vindas. Bares, hotéis e táxis não recebem o benefício da lei, por isso, também são bem aceitas. A mesma norma acontece na Alemanha, o valor do serviço já é adicionado na conta, e o garçom informa qual será ele, geralmente é de 5 a 10%.

Turquia

Os restaurantes luxuosos ficam entre 10 e 15% e os mais simples entre 5 e 10%. Cada pessoa que prestou algum serviço para você deve ganhar um euro. Táxis e bares não precisam.

Japão e China

O ato de dar gorjetas é considerado rude no país, pois eles sentem-se orgulhosos em oferecerem um bom serviço. O mesmo ocorre na China, e em algumas regiões do país chega a ser considerado ilegal. Os guias turísticos aceitam gorjetas e também presentes.

Espanha

Os restaurantes esperam o serviço, por isso inclua de 5 a 10% do valor de dinheiro gasto. Em bares, 20 centavos de euro por drinque consumido e em hotéis, 1 euro por bagagem.

África do Sul

A forma de demonstrar gratidão no país é por meio das gorjetas, por isso, a prática é obrigatória. Mas não existe um valor exato.

Cingapura

Como a maior parte dos moradores não possui boas condições financeiras, o país desencoraja a prática. Apesar disso, em algumas ocasiões o turista pode dar 10% nos restaurantes.

Você já visitou algum país com um sistema diferenciado de gorjetas? Conte pra gente!


RELACIONADOS


Panorama de Mercado

Análise Meu Câmbio Acompanhe semanalmente a evolução do preço do dólar, euro e saiba tudo que pode influenciar o preço das moedas. Com a Meu Câmbio você tem acesso a toda a informação […] LEIA MAIS


Dicas para quem vai viajar sozinho pela primeira vez

Para quem nunca viajou sozinho, é normal que surjam dúvidas na hora de planejar uma viagem. Elaborar um roteiro, reservar hospedagem e passagens com antecedência são etapas essenciais para via […] LEIA MAIS

Recentes


Panorama de Mercado

Análise Meu Câmbio Acompanhe semanalmente a evolução do preço do dólar, euro e saiba tudo que pode influenciar o preço das moedas. Com a Meu Câmbio você tem acesso a toda a informação […] LEIA MAIS


Dicas para quem vai viajar sozinho pela primeira vez

Para quem nunca viajou sozinho, é normal que surjam dúvidas na hora de planejar uma viagem. Elaborar um roteiro, reservar hospedagem e passagens com antecedência são etapas essenciais para via […] LEIA MAIS