Bem-vindo, CITRUS 7
TOTAL TRANSFERIDO BRL 1500,00 ECONOMIZADO BRL 44,00

#CaféComCâmbio – 27/10/21

27 de outubro , 2021 | em #MeuCâmbio |

Saiba como caminhar pelas turbulências do mercado financeiro com a ajuda da Meu Câmbio
As principais notícias que afetam o dólar comercial nesta quarta-feira 26/10/2021

MERCADO AGORA (09h57)

  • Dólar comercial: R$ 5,5536 -0,36%
  • Euro comercial: R$ 6,4500 -0,22%
  • Libra comercial: R$ 7,6630 +0,21%

AGENDA DO DIA

  • EUA: Balanços de Boeing, Coca-Cola, General Motors e McDonald’s, antes da abertura do mercado, e de Ford, após o fechamento do mercado
  • Brasil: Balanços de Gerdau, Metalúrgica Gerdau, Getnet, Weg e Santander, antes da abertura do mercado, e de Multiplan, Movida, LOG Commercial Properties, Intelbras, Odontoprev, Dexco e Telefônica, após o fechamento do mercado
  • FGV: Confiança da Indústria em outubro (8h)
  • IBGE/Pnad Contínua: Taxa de desemprego do trimestre até agosto projeta mediana de 13,5% (9h)
  • EUA/Deptº do Comércio: Encomendas de bens duráveis em setembro (9h30)
  • Canadá: BoC divulga decisão de política monetária (11h)
  • EUA/DoE: Estoques de petróleo da semana até 22/10 (11h30)
  • Tesouro divulga o Relatório Mensal da Dívida de setembro (14h30)
  • BC: Fluxo cambial semanal (14h30)
  • Copom anuncia decisão sobre a Selic (após as 18h30)

Principais notícias que podem influenciar o dólar no dia de hoje 27/10/2021:

** As 8:00am de Brasília: Mercados futuros com sinais mistos nos EUA e na Europa.

Chance de greve como a de 2018 é zero, diz Tarcísio. O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, afirmou que a chance de haver no dia 1º uma greve dos caminhoneiros como a observada em 2018 é zero, pois não haverá a adesão dos mesmos grupos que participaram da greve anterior. (Valor)

Com teto maior, parlamentares querem R$ 16 bi para emendas de relator e R$ 5 bi para fundo eleitoral. Congressistas planejam fazer uso da sobra de recursos provenientes da expansão do teto de gastos para aumentar recursos para a disputa eleitoral do ano que vem. Além disso, também gostariam de tornar obrigatórias e impositivas na Constituição as emendas de relator, que hoje são definidas ano a ano e podem ser vetadas pelo presidente. (Estadão)

Companhias aéreas se preparam para “longas filas” quando os EUA derrubarem as restrições de viagens. O presidente-executivo da Delta Air Lines, Ed Bastian, disse na terça-feira que os viajantes devem estar preparados para longas filas iniciais quando os Estados Unidos suspenderem as restrições de viagens internacionais para viajantes totalmente vacinados, em 8 de novembro. (Reuters)

Faça seus pagamentos internacionais com o leilão da Meu Câmbio.

Biden está mais próximo de nomear o próximo presidente do Fed, além de outros cargos. O presidente Joe Biden e seus principais conselheiros começaram a se concentrar no preenchimento de uma série de vagas no Federal Reserve, à medida que o mandato do presidente Jerome Powell se aproxima do fim, em meio a uma pressão por regras éticas mais rígidas e um conselho do banco central com maior diversidade. (Bloomberg)

Inflação alta e furo do teto de gastos pressionam o Copom — No pior resultado para o mês em 26 anos, o IPCA-15 foi de 1,2% em outubro. O acumulado chega a 10,34% em 12 meses. O quadro elevou a pressão sobre o Copom, que define hoje a nova taxa de juros da economia. As apostas do mercado são de aumento de até 2 pontos percentuais. (Estadão)

CPI aprova relatório que culpa Bolsonaro por tragédia sanitária — Após seis meses de trabalhos e 400 horas de debates e testemunhos que entrarão para a história, a CPI aprovou relatório que aponta culpados pela maior tragédia sanitária do país. O texto lista nove crimes imputados ao presidente Bolsonaro. Senadores vão pressionar Augusto Aras a apurar as suspeitas contra o presidente. (O Globo)

Oposição tenta desidratar PEC dos precatórios, e aliados de Bolsonaro querem mais gastos para 2022. Nos bastidores, líderes governistas e o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), tem atuado para chegar no placar necessário para a aprovação do projeto. Partidos de oposição ao governo, no entanto, tem se manifestado contra a limitação no pagamento dos precatórios. Com isso, a votação da proposta, que era esperada para a terça-feira, foi adiada para hoje. (Folha)

Utilize gratuitamente nossa plataforma para controle dos contratos de câmbio de importação, exportação ou financeiros. Clique aqui e confira!


RELACIONADOS


#CaféComCâmbio – 06/07/22

As principais notícias que afetam o dólar comercial nesta quarta-feira 06/07/2022 MERCADO AGORA (10h34) Dólar comercial: R$ 5,4071 +0,36% Euro comercial: R$ 5,5170 -0,25% Lib […] LEIA MAIS


#CaféComCâmbio – 05/07/22

As principais notícias que afetam o dólar comercial nesta terça-feira 05/07/2022 MERCADO AGORA (10h11) Dólar comercial: R$ 5,3820 +1,08% Euro comercial: R$ 5,5370 -0,25% Lib […] LEIA MAIS

Recentes


#CaféComCâmbio – 06/07/22

As principais notícias que afetam o dólar comercial nesta quarta-feira 06/07/2022 MERCADO AGORA (10h34) Dólar comercial: R$ 5,4071 +0,36% Euro comercial: R$ 5,5170 -0,25% Lib […] LEIA MAIS


#CaféComCâmbio – 05/07/22

As principais notícias que afetam o dólar comercial nesta terça-feira 05/07/2022 MERCADO AGORA (10h11) Dólar comercial: R$ 5,3820 +1,08% Euro comercial: R$ 5,5370 -0,25% Lib […] LEIA MAIS