Bem-vindo, CITRUS 7
TOTAL TRANSFERIDO BRL 1500,00 ECONOMIZADO BRL 44,00

O que não fazer em determinados países?

06 de fevereiro , 2020 | em #MeuCâmbio |

Se atentar às tradições e costumes dos destinos, é evitar ser mal visto ou passar por perrengues. 

Cada país tem a sua cultura e uma série de costumes que, apesar de tradicionais, podem ser vistos como estranhos ou desrespeitos, dependendo do país. Por isso, é aconselhável que, antes de visitar um novo destino, pesquise a respeito dos costumes local, e, consequentemente, o que você pode ou não fazer para que não seja mal interpretado ou passe por algum perrengue. Pensando em ajudar você nesse momento de busca, a Meu Câmbio separou cinco dicas do que deve evitar nos seguintes destinos: China, Rússia, Singapura, Turquia e Ucrânia. 

Quando uma pessoa faz aniversário ou estamos em alguma época comemorativa como o Natal, é comum darmos de presente relógios ou até mesmo guarda-chuva, por serem presentes fáceis, úteis e ótimos para o dia a dia. Mas na China nenhum dos dois é aceito. Para os chineses, presentear alguém com um relógio significa que você deseja a morte dela, isso porque relógios, na cultura local, são associados a funerais. Agora, quando se fala em guarda-chuva como presente, é o mesmo que cortar os laços com a pessoa presenteada. 

Quem nunca saiu pelas ruas assobiando ou presenciando alguém fazer isso? Afinal esse é um hábito comum no Brasil. Fazemos isso espontaneamente, para cantarolar, chamar atenção, enfim, usamos para vários fins. Mas, sabia que na Rússia essa atitude é falta de respeito? No país, fazer isso dentro de um lugar fechado está associado à má sorte, e quando feito na rua é considerado uma ofensa às mulheres. 

Dentre tantos hábitos que estamos acostumados no dia a dia, comer em locais públicos ou até mesmo no transporte coletivo é cada vez mais comum, seja pela fome ou pela pressa. Entretanto, essa prática é totalmente proibida em Singapura. O decreto é tão sério que violar a regra é passível de multa. A proibição visa a manutenção da limpeza e higiene dos transportes. 

Apesar de algumas pessoas acharem ultrapassado, dar flores ainda é visto como algo bom e querido por uma parte da população, principalmente quando associado a romance. Na Ucrânia, o modo de montar os buquês leva em consideração a quantidade de botões: o número par é relacionado à morte. Então, se não for a um funeral, lembre-se de comprar quantidade ímpar de flores e não escolher tulipas amarelas, pois os ucranianos acreditam que remetem à separação. 

Fazer o gesto de “OK”, é algo comum entre os cidadãos brasileiros. Porém, ao realizar esse sinal na Turquia, pode haver dois tipos de interpretações, e nenhuma delas é positiva. A primeira, indica que está mandando alguém “tomar naquele lugar” (no Brasil também há essa leitura). A outra associação que pode ter é a de falar que a pessoa para quem o gesto é dirigido, é um nada.

Existem muitas outras atitudes comuns para nós que devem ser evitadas. Por isso, antes de embarcar em uma viagem internacional, sempre pesquise sobre o costume e a cultura para evitar ficar em apuros.


RELACIONADOS


Comece seu dia bem informado com nosso Café Com Câmbio de hoje 22/01

As principais notícias que afetam o dólar comercia […] LEIA MAIS


Comece seu dia bem informado com nosso Café Com Câmbio de hoje 21/01

As principais notícias que afetam o dólar comercia […] LEIA MAIS

Recentes


Comece seu dia bem informado com nosso Café Com Câmbio de hoje 22/01

As principais notícias que afetam o dólar comercia […] LEIA MAIS


Comece seu dia bem informado com nosso Café Com Câmbio de hoje 21/01

As principais notícias que afetam o dólar comercia […] LEIA MAIS